fbpx

Como será meu tratamento?

Diversos tipos de aparelhos, tanto fixos como móveis, são utilizados para ajudar a movimentar os dentes, retrair os músculos e alterar o crescimento mandibular.

Estes aparelhos funcionam colocando uma leve pressão nos dentes e ossos maxilares. A gravidade do seu problema é que irá determinar qual o procedimento ortodôntico mais adequado e mais eficaz.

Aparelhos fixos: são unidos aos dentes através de uma substância adesiva ou cimento; são compostos por bráquetes (metálicos, plásticos ou cerâmicos), tubos e anéis, que suportam o arco metálico responsável pela movimentação dentária. Permitem maior movimentação dos dentes e independem da colaboração do paciente.

Após o tratamento ortodôntico chegará um momento em que o dentista lhe dará alta do tratamento ortodôntico. Mas isso não significa que você deixará de ir ao dentista.

Após o tratamento ortodôntico, seja ele fixo ou removível o paciente deverá voltar ao consultório para que o dentista continue avaliando o reposicionamento dos dentes, pois é muito importante que o tecido ósseo e os tecidos adjacentes estejam consolidados com o novo posicionamento dos dentes.

Um novo aparelho fixo ou removível ajudará para que os dentes se acostumem com o novo alinhamento dental. Este aparelho será desenhado para limitar a movimentação dos dentes evitando que o paciente volte para o tratamento ortodôntico.

Este aparelho deverá ser usado 24hs durante 6 meses, removendo apenas para as refeições e para higiene do aparelho e higiene

Risco de não realizar o tratamento

A não realização do tratamento ortodôntico traz problemas funcionais e estéticos, entre os quais:

  • Dificuldade para a higienização da boca facilitando o surgimento da doença cárie, formação e tártaro e problemas gengivais.
  • Desequilíbrio dos dentes e articulações temporomandibulares.
  • Problemas estéticos devido ao posicionamento errado dos dentes.

MARQUE AQUI SUA AVALIAÇÃO