fbpx

O que é prótese fixa utilizando núcleos ou pinos?

Os dentes tratados endodoticamente são normalmente mais frágeis, devido a perda de estrutura dental, cáries, preparação cavitária, instrumentação do canal radicular tornando-os mais susceptível a fraturas. O núcleo ou pino intracanal, como o próprio nome já diz, vai dentro da raiz do dente após realizado preparo. Ele serve para dar ancoragem e resistência à parte protética externa.

Por que realizar esse tratamento?

  • Restaurar dentes muito comprometidos.
  • Repor dentes perdidos.
  • Melhorar a estética e o bem-estar.
  • Devolver a função, a mastigação e o conforto.
  • Restaurar dentes com tratamento endodontico e muito comprometidos.

Como será meu tratamento?

  • O primeiro passo é realizar o tratamento endodôntico para receber o núcleo.
  • Depois é realizada a moldagem do conduto radicular para confecção do núcleo no laboratório de prótese.
  • O núcleo é cimentado na raiz do dente e estará pronto para receber a coroa.
  • O tratamento é finalizado com a instalação da coroa.

Risco de não realizar o tratamento

A não colocação do núcleo e reposição dos dentes perdidos pode acarretar uma série de complicações, entre as quais:

  • Modificação na mordida.
  • Desconforto na articulação.
  • Desequilíbrio dos dentes e articulações temporomandibulares.
  • Problemas estéticos.
  • Perda da auto-estima.

O que é prótese fixa utilizando elementos definitivos?

A prótese fixa é a restauração parcial ou total da coroa de um dente, quando se denomina prótese fixa unitária, ou a substituição de um ou mais dentes perdidos, quando se denomina prótese parcial fixa (ou ponte fixa).

Ao ser fixada sobre os dentes do paciente, previamente preparados para recebê-la, reabilita-o para mastigar, falar ou sorrir. Recebe o nome de “fixa” porque não pode ser removida pelo paciente ou pelo dentista, a menos que este conte com o uso de equipamentos especiais.

Por que realizar esse tratamento?

  • Substituir uma grande restauração quando não restar muita estrutura do dente.
  • Repor os dentes perdidos.
  • Proteger um dente enfraquecido por fraturas.
  • Restaurar um dente fraturado.
  • Cobrir um dente descolorido ou deformado.
  • Cobrir um dente que tenha sofrido um tratamento de canal.

Como será meu tratamento?

Antes de se fazer uma coroa ou prótese fixa, o dente (ou dentes) devem ser preparados para que o seu dentista faça um molde exato para a confecção da coroa ou ponte. O dentista escolherá a cor exata da coroa ou da ponte que combine com a cor dos demais dentes.

A partir deste molde, um laboratório de prótese dentária (protético) fará sua coroa ou ponte, no material especificado pelo seu dentista. Uma coroa ou prótese provisória será colocada no local para cobrir o dente preparado, enquanto a coroa ou prótese fixa permanente está sendo feita.

Quando estiverem prontas as definitivas, a coroa ou prótese temporária são removidas para que a nova seja cimentada sobre o dente ou dentes já preparados.

A prótese é um tratamento extenso, sendo necessárias diversas sessões até a sua conclusão total, ou seja, colocação da prótese definitiva.

Risco de não realizar o tratamento

A não reposição de dentes perdidos pode acarretar uma série de complicações, entre as quais:

  • Modificação na mordida.
  • Desconforto na articulação.
  • Desequilíbrio dos dentes e articulações temporomandibulares.
  • Problemas estéticos.
  • Perda da auto-estima.

MARQUE AQUI SUA AVALIAÇÃO